jogatina

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
SOLIDARIEDADE

Campanha de doação realizada pelo Hemopa beneficiará cerca de mil pacientes da rede pública e privada do Estado

As campanhas ocorreram nos dias 27 e 28 de janeiro em toda a hemorrede estadual

Por Helen Alves (HEMOPA)
29/01/2024 20h47

A doação de sangue é um ato essencial para manter os estoques abastecidos, por isso, a Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará (Hemopa) realizou campanhas de doação em toda hemorrede estadual nos dias 27 e 28 (sábado e domingo). Ao todo, foram coletadas 261 bolsas de sangue, que irão beneficiar 1.044 pacientes..

O Hemocentro coordenador em Belém e as unidades de coleta dos shoppings Castanheira e Métropole contaram com a solidariedade de 162 voluntários candidatos e obtiveram 122 bolsas coletadas.

O Hemocentro Regional de Marabá recebeu as caravanas de Canaã dos Carajás, Brejo Grande do Araguaia, Parauapebas, além do público local e fiéis da Igreja Adventista, encerrando o balanço de doações com total de 88 coletas e 120 candidatos à doação e seis registros de doadores de medula óssea.

Na oportunidade, o Hemonúcleo de Altamira recebeu 22 voluntários e obteve 18 bolsas , além disso, o Hemonúcleo de Redenção também abriu suas portas no sábado e recebeu voluntários.

No Hemocentro Regional de Castanhal, foram registradas a presença de 101 candidatos aptos a doar, do total de 116 voluntários que compareceram. A unidade recebeu caravanas de doadores dos municípios de Mãe do Rio e Autora do Pará, por meio do grupo Doadores por Amor e de Tomé Açu, além de um grupo de jovens da Coordenadoria Municipal da Juventude e Conselho Municipal da Juventude de Castanhal.

Alguns doadores comemoraram o seu aniversário realizando esse gesto de amor e solidariedade, como no caso de Fabrina Cabral, técnica de enfermagem e moradora do município de Aurora do Pará, que completou 41 anos.

Fabrina é doadora de sangue desde o ano de 2011, ela conta que foi incentivada a doar quando a mãe de um amigo precisou receber sangue e desde então não parou mais e também se tornou multiplicadora. "Por ser uma profissional de saúde e por saber da importância da doação voluntária de sangue e doar sangue é um ato de amor, simples, seguro e que não vai prejudicar quem doa, mas ajudará a quem precisa", reforçou a doadora.

Critérios para doar sangue:

– Apresentar documento oficial, original com foto e assinatura;
– Ter entre 16 e 69 anos (menores de 18 anos precisam estar acompanhados de responsável legal);
– Ter mais de 50 quilos;
– Estar bem alimentado (não pode estar em jejum);
– Dormir pelo menos 6 horas nas 24 horas anteriores à doação;
– Não ingerir bebida alcoólica 12 horas antes da doação;
– Ter intervalo entre doações de dois meses para homens e três meses para mulheres.

Quem se vacinou contra a Covid-19 pode doar sangue, sendo necessário um intervalo de dois dias entre cada dose, para quem recebeu a vacina Coronavac, e sete dias para quem recebeu as demais vacinas. Quem teve Covid-19 pode doar sangue 10 dias após a cura.

Texto: Ascom Hemopa com informações de Juliana Souza (estagiária)

jogatina Mapa do site