jogatina

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
GOVERNO

Pará mantém trajetória positiva na geração de empregos com mais de 55 mil novos postos

Segmentos com maior destaque, segundo estudo do Dieese Pará, são os de Serviço, Construção Civil e Comércio

Por Ascom (Ascom)
29/12/2023 09h41

Ao longo do ano de 2023 o Estado do Pará manteve uma trajetória positiva na geração de empregos formais. É o que aponta o estudo produzido pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos - Dieese Pará, divulgado na quinta-feira, 28.

No balanço acumulado entre janeiro e novembro, no comparativo entre admitidos e desligados, o Pará registrou um saldo positivo de 55.534 postos de trabalhos formais, um resultado 12,0% maior que o registrado no mesmo período do ano passado (janeiro a novembro de 2022), quando foram gerados cerca de 49.400 postos. 

Com o resultado, o Estado ganha destaque na 11ª posição entre as demais Unidades da Federação com o maior saldo positivo na geração de empregos e segue na liderança entre os estados da região Norte. 

“O governo do Pará conclui mais um ano cumprindo o seu papel na movimentação positiva da economia e, consequentemente, na geração de emprego e renda. Os resultados alcançados comprovam que o trabalho e o investimento dispensado em obras estruturantes, educação e qualificação tem dado certo. Em 2023 tivemos o desafio de manter um ritmo propositivo, com ações e programas que beneficiassem a população e trouxessem mudança de realidade. Injetando recursos em programas que buscam qualidade de vida, também contribuímos para o aumento do poder de compra, logo o comércio, o serviço, se mantém em circulação, e automaticamente provocam a abertura de novos mercados, de novas oportunidades. Em 2024 seguiremos com mais investimentos no que faz a diferença para a vida da nossa população”, reforçou o secretário de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda, Inocencio Gasparim”. 

Entre os setores com destaque na geração de empregos durante 2023, o estudo apresenta em primeiro lugar o Serviço, com saldo positivo de 21.237 postos de trabalhos, seguido do Setor da Construção Civil, com saldo positivo de 12.681 postos de trabalhos e o Setor de Comércio, com saldo positivo de 10.342 postos de trabalhos. 

Intermediação de mão de obra 

O governo do Estado, através da Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda, também presta, de forma gratuita, serviços de cadastro de vagas de emprego, entrevistas, atualização de currículo e emissão de seguro-desemprego por meio do Sistema Nacional de Emprego. No Pará, a rede SINE conta com postos de atendimento em 33 municípios e em 2023 foi a responsável em colocar e recolocar cerca de 8mil trabalhadores em vagas no mercado de trabalho formal. 

Ana Claudia Gonçalves procurou um dos postos de atendimento em Belém e foi surpreendida ao garantir a vaga e ser contratada em tempo ágil. 

"O Sine realiza um  processo sério. Fiz a entrevista no dia  marcado e antes do prazo tive o retorno para iniciar o treinamento. Hoje estou trabalhando e quero mencionar a credibilidade que o Sine tem. Existem vagas sim! O governo apostou nas Usinas da Paz, espaços que geram  oportunidade para as pessoas,  independente da idade, e digo  isso porque já estou na meia idade, e hoje me vejo atuando no mercado de trabalho novamente. Dá certo”, contou a trabalhadora do setor do Comércio. 

Além da intermediação de obra, o Estado ainda dispõe de iniciativas voltadas à empregabilidade de jovens, com o programa “Primeiro Ofício”, que já empregou mais de 2mil jovens em vagas de aprendizagem e também investe em qualificação, através do programa Qualifica Pará, iniciativa que certificou cerca de 30 mil pessoas nas mais diversas áreas, nos 144 municípios paraenses.

jogatina Mapa do site