jogatina

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
BANCO DE SANGUE

Estado entrega Agência Transfusional em Anajás, no Marajó

Esta é a sexta unidade para atendimento a pacientes da rede hospitalar pública entregue pelo governo do Pará em 2023

Por Helen Alves (HEMOPA)
19/12/2023 14h22

O governador do Pará, Helder Barbalho, e o presidente da Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará (Hemopa), Paulo Bezerra, entregaram uma Agência Transfusional (AT) em Anajás, na Ilha do Marajó, nesta terça-feira (19). Localizada nas dependências do Hospital Municipal Teonila Alves, a agência tem capacidade de realizar cerca de 100 transfusões de sangue por mês. Ao longo deste ano, foram entregues outras seis pela atual gestão estadual.

Helder Barbalho, governador do Estado do Pará, falou com a população sobre o compromisso de entregar a nova agência mesmo diante dos desafios que havia.

"De hoje em diante, Anajás passa a ter estoque de sangue 24h para salvar vidas e cuidar da população dessa região. Agora, não vai mais precisar buscar sangue às pressas, vocês sempre terão abastecimento regular e com estoque de todos os tipos de sanguíneos, deixando a população bem assistida", reforçou o governador Helder Barbalho.

Na unidade hospitalar são realizados serviços de cirurgia geral de menor complexidade, maternidade, serviços de análise laboratorial, internação, além de urgência e emergência.

Segundo o presidente do Hemopa, Paulo Bezerra, a agência representa um salto na política de assistência de qualidade a pacientes internados em hospitais. “Essas entregas são um marco na descentralização dos serviços do Hemopa, estando mais próximos a pacientes hematológicos, que precisam regularmente de transfusão. Por isso, sempre buscamos ampliar essa cobertura, promovemos treinamentos, instalamos novos equipamentos de ponta para o apoio no armazenamento e distribuição de sangue seguro na região”, pontuou o gestor.

Anajás é o município geograficamente mais central da Ilha do Marajó, que detém uma extensão territorial de 6 672 Km² e está localizado na microrregião de Furos de Breves, onde vivem cerca de 33 mil habitantes e a economia é baseada na produção de açaí. O transporte local é feito essencialmente via fluvial. Desta forma, a entrega da Agência Transfusional representa a acessibilidade para a população de Anajás e municípios vizinhos de Breves, Chaves, Ponta de Pedras, Afuá, Muaná, São Sebastião da Boa Vista, que compõem ao todo aproximadamente 60 mil habitantes.

As ATs destacam-se como uma iniciativa que visa a descentralização dos serviços da Hemorrede do Estado. De 2019 a novembro de 2023, foram entregues as Agências Transfusionais do Hospital Municipal de Uruará, Hospital Municipal de Jacareacanga, Hospital Municipal de Santarém, Hospital Materno Infantil de Marabá, Hospital Regional Público de Itaituba, Hospital Geral de Altamira, Hospital Estadual Público Galileu, Hospital Regional Abelardo Santos, no Hospital Municipal Silas Freitas, em Mãe do Rio, do Hospital Regional de Castanhal, do Hospital de Urgência e Emergência Augusto Chaves Rodrigues, em Marituba, as de São Félix do Xingu e de Tucumã e a de Tomé-Açu.

Tiago Barbosa, de 22 anos, é comerciante, tem anemia falciforme, mas desde 2011 está sem a necessidade de realizar transfusões de sangue. No entanto, comemora por conviver com outros pacientes que também fazem esse tratamento. "Só quem precisa de transfusões sabe da luta que é ter que viajar para outro município, gastando o que não tem, para ser atendido. Por isso, estou tão feliz com a chegada dessa agência. Graças a Deus e toda essa equipe que tornou isso uma realidade, é um momento histórico para Anajás", disse.

Elcilene Azevedo é paciente oncológica e mensalmente faz transfusão de sangue em Belém. "Meu tratamento de câncer é feito no hospital Ophir Loyola e tudo surgiu quando eu comecei a perder muito sangue e precisei receber transfusão. Fui operada mas continuei perdendo sangue, sempre precisando de estoque para suprir o meu sangue que é O negativo. Com essa agência aqui vai melhorar em 100% a minha vida, porque agora eu não vou precisar ir a Belém todo mês. Estou muito feliz e agradeço muito as equipes que trabalharam para trazer essa agência", celebrou a paciente.

Alziro Rodrigues é farmacêutico bioquímico, responsável técnico pelo hospital municipal e pela Agência Transfusional. Morador de Anajás há 12 anos, ele visualizava essa demanda importante e urgente para o município. "Primeiramente, passamos por um treinamento em Belém, no Hemopa, recebendo todas as orientações. As bolsas de sangue virão de Belém, acondicionadas devidamente via transporte aéreo e ficarão armazenados nas câmaras frias. Tem uma equipe de plantão 24h e através do pedido dos médicos e plantonistas, iremos fazer o atendimento aos nossos pacientes", explicou o profissional.

O diretor do hospital municipal, Juarez Alves, não esconde o orgulho e a emoção de ver a nova unidade implantada. "Vai ser de suma importância para o nosso povo anajaense, porque aqui há uma distância muito grande para Breves. Então, ter uma agência transfusional na cidade vai contribuir com o nosso trabalho para melhorarmos nosso atendimento de urgência e emergência. É uma felicidade enorme fazer parte desse momento tão importante", contou contente o diretor hospitalar.

 "É uma grande honra recebermos essa agência do Hemopa, é um passo muito grande para servir o nosso povo, é um dos maiores projetos que estamos vendo concretizar, sem dúvida é uma grande realização", destacou o prefeito municipal de Anajás”, Vivaldo Mendes Conceição.

jogatina Mapa do site